Educadores paralisam atividades em dia de luta unitária dos servidores

Os educadores gaúchos cruzaram os braços em protesto ao parcelamento de seus salários, anunciado e concretizado pelo governo na última sexta-feira, dia 31. A categoria ouviu o chamado do CPERS e a mobilização em todo o Estado chegou a 98% das escolas. Em várias cidades, principalmente no interior do Estado, foram realizadas plenárias e debates sobre a situação enfrentada pelos educadores devido aos constantes ataques do governo. Foram atingidos pelo parcelamento, 62 mil professores.
Em Porto Alegre, os educadores uniram-se aos demais servidores públicos estaduais e realizaram um protesto que reuniu cerca de 4 mil pessoas em frente ao Centro Administrativo Fernando Ferrari – CAFF. Do local, os manifestantes seguiram em caminhada até o Palácio Piratini, onde uma comissão dos servidores foi recebida pelo chefe da Casa Civil, Márcio Biolchi.
Na reunião, os dirigentes das entidades que integram a Coordenação Unificada dos Servidores Públicos, composta por mais de 40 representações, frisaram as dificuldades enfrentadas pelo funcionalismo devido ao não pagamento integral dos salários. “Em 32 anos de magistério, nunca tinha presenciado tamanha falta de respeito com os servidores. A toda hora chegam relatos de colegas nossos sobre a humilhação de passar por situações como deixar mantimentos no caixa do supermercado por não ter saldo suficiente para pagar”, destacou a presidente do CPERS, Helenir Aguiar Schürer.

Mais

Aquesta entrada ha esta publicada en ENSENYAMENT, MOVIMENTS SOCIALS. Afegeix a les adreces d'interès l'enllaç permanent.

Deixa un comentari

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

Esteu comentant fent servir el compte WordPress.com. Log Out / Canvia )

Twitter picture

Esteu comentant fent servir el compte Twitter. Log Out / Canvia )

Facebook photo

Esteu comentant fent servir el compte Facebook. Log Out / Canvia )

Google+ photo

Esteu comentant fent servir el compte Google+. Log Out / Canvia )

Connecting to %s